Arquivo mensais:junho 2009

De um tempo pra cá…

..TUDO MUDOU!! — N

Tá.. foi bem drástica a mudança… de conceitos, de preceitos, paradigmas, modo de pensar em muitas coisas, na interatividade com todo o social, até com o que “assisto”… enfim, tudo.

Tudo começou no twitter (desculpa Vilão, eu bem que tentei — mas foi só uma referência ao site), por volta do 1º semestre do ano passado (2008). Achava o máximo acompanhar comentários e opiniões de “personalidades da internet” (tipo @crisdias, @cmerigo, @fseixas, @loumartins, @marcogomes dentre outros), tentava conseguir um reply participar, mas era quase impossível. Foi quando em Junho/08 o Fábio Seixas (sócio-fundador do Camiseteria) divulgou no tw.. aquele site lá (@vilao: ;-D) alguma coisa sobre o plurk (inclusive um post no blog dele). Foi o suficiente pra eu correr lá e me cadastrar.

Pós-Plurk

A partir disso, tudo mudou — N. Tá, exagerei, a princípio não.. eu ainda usava muito o outro. Mas com o tempo o Plurk começou a tomar mais tempo. Eu comecei a ver um lado mais “social” ali, firmei amizades, comecei a conviver mais (de certa forma) com as pessoas que tinha ali, passar até por problemas (afetivos, depressivos, familiares, bobos, acerto de blog, fofocas, etc) e alegrias (aniversários, comemorações, conquistas, etc) juntos.

Chega a ser constrangedor e engraçado fazer comentários sobre outra localidade — tipo: São Paulo, Rio Grande do Sul, Acre (#brinks, ele não existe), Paraná, etc.. — e depois ter que explicar para as pessoas toooooda história sobre redes sociais, plurk, twitter, whatever. Daí eu só falo… :

“.. diz que em [nome de algum lugar] está gelando!”

… ou:

“.. vocês viram o [algum fato curioso / novidade] que aconteceu lá no [algum lugar]? diz que o ‘bicho tá pegando lá’..”

… sempre assim.

Se for falar de relacionamentos então… ihhh.. vi de tudo. Vi términos de namoro (uns por ciúmes “internetês”), vi começos de namoros (eu? oi?), conheci gente que namorou a centenas e/ou milhares de quilômetros, com o único contato sendo internet, e deu certo, se encontrando depois de meses e anos.. até casando! Vi grandes amizades sendo formadas, construídas.. com bases sólidas, — não só mais um contato no msn — passo horas no skype conversando com amigos (de coração) de GO, DF, MG, SC, SP, RJ.. Portugal oO’. E faz até falta ficar dias sem conversar com eles.

E como nem tudo é um mar de rosas, vi muita coisa podre e falsas amizades também. Internet é assim, tem de tudo — todo tipo de pessoa… cabe a nós saber filtrar adequadamente o que queremos ver / acompanhar.

Fique atento! E boa sorte.

:]

obs: um edit ainda em tempo: não citei nomes, porque são muitos. Mas uma breve lista são as pessoas que se encontram nos meus links